ESTRANGEIRISMOS NA PAISAGEM LINGUÍSTICA DO CENTRO HISTÓRICO DE SÃO LUÍS

Autores

  • Denise Maia Pereira Laurindo UEMA
  • Gustavo Cardoso Silveira Pontifícia Universidade Católica de Sao Paulo

DOI:

https://doi.org/10.18817/rlj.v5i2.2697

Resumo

O objetivo deste artigo é a análise randômica do estrangeirismo presente no Centro Histórico de São Luís do Maranhão, a fim de identificar a influência existente dentro do contexto sociocultural mencionado. A linguagem, seja ela verbal, visual ou verbo-visual, está presente em todos os ambientes em que nos colocamos e se tornam, por esse motivo, paisagens linguísticas que não se apresentam de maneira neutra ou arbitrária, mas se revestem de valores simbólicos. Como resultado dessa exposição, os sujeitos envolvidos na toponímia participam ativamente da construção e significação desse discurso presente nos espaços públicos (mesmo quando privados), interagindo na interpretação e aceitação das escolhas realizadas. A questão da escolha se faz relevante, pois ela interage por aquilo que poderia ter sido feito e não o foi, mostrando, assim, a possibilidade e construção de textos sombras (escolhas e possibilidades). Os resultados das análises mostram que as escolhas realizadas no contexto linguísticos tratam de contextos sócio-histórico e cultural, sendo assim, o contexto da escolha adquire significado a partir do produtor de contexto, o autor ou responsável pela produção linguística, que não é subserviente, mas ideologicamente e politicamente responsável.

Biografia do Autor

Denise Maia Pereira Laurindo, UEMA

Possui graduação em Letras pela Universidade Ceuma (2006). Pós graduada em Inglês como Língua Estrangeira pela Universidade Ceuma (2008). Pós graduada em Metodologia do Ensino Superior pela Universidade Federal do Maranhão (2009). É mestra em Linguística Aplicada (2017), área de concentração em Língua Materna e Línguas Estrangeiras. Doutoranda em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem (PUC-SP). Atualmente é professora do departamento de Letras da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA)

Gustavo Cardoso Silveira, Pontifícia Universidade Católica de Sao Paulo

Doutorando em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem (PUC-SP); Mestre em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem (PUC-SP); Especialista em Língua Inglesa e Psicopedagogia; Professor de Línguas e Literaturas (português/inglês), Atuando há 18 anos com educação e formação de professores, possui experiência em mentoring e coaching de novos profissionais. Trabalhando com o desenvolvimento de projetos, com a apresentação de workshops e com cursos de formação. Examinador Cambridge ESOL

Downloads

Publicado

2021-12-22

Como Citar

PEREIRA LAURINDO, D. M.; CARDOSO SILVEIRA, G. ESTRANGEIRISMOS NA PAISAGEM LINGUÍSTICA DO CENTRO HISTÓRICO DE SÃO LUÍS. REVISTA DE LETRAS - JUÇARA, [S. l.], v. 5, n. 2, p. 62-78, 2021. DOI: 10.18817/rlj.v5i2.2697. Disponível em: https://ppg.revistas.uema.br/index.php/jucara/article/view/2697. Acesso em: 25 jan. 2022.