IDENTIDADE E CULTURA DOS QUILOMBOS CONTEMPORÂNEOS DO MARANHÃO: UM ESTUDO SOBRE NARRATIVAS ESCRITAS DE COMUNIDADES QUILOMBOLAS DE ITAPECURU MIRIM

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18817/rlj.v6i2.3030

Resumo

Este artigo tem como objetivo demonstrar aspectos históricos e culturais dos quilombos de Itapecuru Mirim – MA, a partir de narrativas escritas coletadas nesses locais. As comunidades selecionadas foram Santa Rosa dos Pretos e Santa Maria Pinheiro, pois fazem parte da Coleção Terras Quilombolas, um conjunto de livretos, publicada em 2016, que reúne um conjunto de narrativas a respeito da formação, do modo de vida e das lutas travadas por comunidades quilombolas brasileiras para se manter em seus territórios tradicionais. Além de definir quilombo, este estudo também apresenta uma breve descrição sobre o locus da pesquisa, qual seja Itapecuru Mirim. Para isso, utilizamos os autores Botelho (2008) e Marques (2009), que versam sobre quilombo e as autoras Lucchesi (2016), Silva (2016), organizadoras dos livretos que tratam das comunidades estudadas. A metodologia utilizada consiste na seleção e análise de narrativas escritas a partir de um método qualitativo. Os resultados mostraram os processos que originaram a fundação das duas comunidades como também alguns costumes locais. Também são apresentados quantitativos sobre quilombos no brasil e em Itapecuru Mirim, como também algumas ilustrações de costumes locais. Assim, os quilombos Santa Rosa dos Pretos e Santa Maria Pinheiro, na narrativa dos seus moradores, são lugares de luta e resistência e de garantias de direito.



Biografia do Autor

Claudiene Diniz da Silva, UEMA - CAMPUS ITAPECURU MIRIM

Doutorado em linguística pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com pós-doutoramento na mesma instituição ambos na área da Semântica da Enunciação. Mestrado em Letras na Universidade Federal do Piauí (UFPI), na perspectiva da Teoria das Operações Predicativas e Enunciativas. Membro do grupo de estudos ENUNCIAR, que desenvolve pesquisas linguísticas utilizando os pressupostos teóricos da Semântica da Enunciação. Coordenadora do grupo de
estudo GELLEMA. Professora Adjunta e Diretora do curso de Letras da Universidade Estadual do Maranhão (UEMA).

Downloads

Publicado

2022-12-29

Como Citar

DINIZ DA SILVA, C. IDENTIDADE E CULTURA DOS QUILOMBOS CONTEMPORÂNEOS DO MARANHÃO: UM ESTUDO SOBRE NARRATIVAS ESCRITAS DE COMUNIDADES QUILOMBOLAS DE ITAPECURU MIRIM. REVISTA DE LETRAS - JUÇARA, [S. l.], v. 6, n. 2, p. 152-164, 2022. DOI: 10.18817/rlj.v6i2.3030. Disponível em: https://ppg.revistas.uema.br/index.php/jucara/article/view/3030. Acesso em: 8 fev. 2023.

Edição

Seção

Dossiê Temático