A cartografia de al-Idrisi na análise da interculturalidade islâmico-normanda na Sicília medieval (séc. XII)

Celia Daniele Moreira de Souza

Resumo


Resumo:
A presença muçulmana na Europa e seu contato com os povos germânicos geralmente é compreendida na sua experiência na Península Ibérica, pelo legado visigodo e o de Al-Andalus. Entretanto, outras experiências foram válidas para se pensar, não apenas a coexistência de elementos diversos em uma dada sociedade e território, mas na confluência e apropriação de elementos identitários de distintas culturas e religiosidades, a saber, a islâmica e a cristã, estas expressas no exemplo da Sicília Medieval do séc. XII sob domínio normando.
Este artigo propõe-se a analisar como o trabalho do estudioso Al-Idrisi pode ser visto como um exemplo de diálogo dessas duas culturas, e também como o contexto em que mesmo se insere sugere um abarcamento, ao invés de uma sublimação, dos valores e ideais da cultura islâmica no reino de Rogério II.

Palavras-chave: Al-Idrisi, Islã, Sicília Normanda Medieval

Abstract:
The Muslim presence in Europe and its contact with the Germanic people is generally understood in its experience in Iberia, through Visigoth and Al-Andalus legacies. However, other experiments are valid to think, not only the coexistence of different elements in a given society and territory, but at the confluence and appropriation of identity elements of different cultures and religiousness, namely, the Islamic and the Christian, these expressed in example in the twelve century in Medieval Sicily under Norman rule.
This article aims to analyze how the work of scholar al-Idrisi can be seen as an example of these two cultures dialogue, as well as the context in which he is inserted suggests entrainment, rather than a sublimation, of values and ideals of Islamic culture in the reign of Roger II.

Keywords: Al-Idrisi, Islam, Norman Medieval Sicily

Palavras-chave


Al-Idrisi, Islã, Sicília Normanda Medieval

Texto completo:

PDF


Brathair 2017