PERCEPÇÃO DOS PROFESSORES DE GEOGRAFIA ESCOLAR NO MUNICÍPIO DE DOIS IRMÃOS DO BURITI - MS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18817/26755122.26.01.2022.2897

Palavras-chave:

Ensino de Geografia. Geografia da Saúde. Livro didático. Interdisciplinariedade.

Resumo

Este estudo tem por escopo analisar como os docentes de Geografia que atuam no Ensino fundamental do munícipio de Dois Irmão do Buriti/MS, contemplam o ensino da Geografia da Saúde, considerando os marcos legais consubstanciados na LDBEN, na BNCC e no Currículo Referência do Estado de Mato Grosso do Sul, bem como nos livros didáticos. Para tanto, elaborou-se um instrumento “online”, composto por questões relacionadas à Geografia da Saúde e ao livro didático de Geografia. Após as análises realizadas, constatou-se que apesar da Geografia da Saúde não integrar o conhecimento do professor de Geografia, se apresenta nos documentos oficiais, no currículo, bem como nos livros didáticos, sendo que na prática, não é trabalhada a contento, talvez por falta de formação continuada. Portanto, a Geografia da Saúde precisa ser trabalhada de maneira mais explícita, sob a ótica da Geografi a crítica e de forma interdisciplinar.

Biografia do Autor

Márcio Moreira do Nascimento, Geografi a - CPAQ/UFMS

Mestre em Geografi a - CPAQ/UFMS, Aquidauana/MS, Brasil.

Esse artigo é oriundo da dissertação intitulada Reflexos da pandemia de COVID-19 no ensino no Município de Dois Irmãos do Buriti/MS: contribuições da Geografi a da saúde no contexto da Geografia escolar. 

Eva Teixeira dos Santos, UFMS

Orientadora, docente dos cursos de Graduação e Mestrado em Geografia - CPAQ/UFMS, Aquidauana/MS, Brasil.

Downloads

Publicado

2022-07-20

Como Citar

Moreira do Nascimento, M. ., & Teixeira dos Santos, E. . (2022). PERCEPÇÃO DOS PROFESSORES DE GEOGRAFIA ESCOLAR NO MUNICÍPIO DE DOIS IRMÃOS DO BURITI - MS. Revista Ciência Geográfica, 26(01), 421-436. https://doi.org/10.18817/26755122.26.01.2022.2897

Edição

Seção

ARTIGOS DE ABRANGÊNCIA GERAL